IT, CIO, Openlimits

Grande parte das organizações estão, atualmente, em regime de teletrabalho. Esta nova realidade traz consigo alguns desafios a nível tecnológico e também de cibersegurança que os CIO devem ter em conta para garantir que o trabalho decorre sem interrupções e com relativa normalidade, mesmo fora do escritório. A Infinidat publicou recentemente uma lista de alguns pontos que devem ser equacionados para ultrapassar os desafios do novo Covid-19 para as organizações. Conheça-os abaixo.

7 questões sobre infraestruturas tecnológicas a ponderar em qualquer organização

1 – Aumento do tráfego

Com grande parte, ou mesmo a totalidade, dos colaboradores a trabalharem em trabalho remoto, é necessário validar se a infraestrutura tecnológica da empresa está preparada para receber picos de tráfego e troca de dados e informações na rede que antes não aconteceriam.

2 – Disponibilidade e apoio

A equipa de IT ganha agora uma importância chave dentro das organizações, devendo garantir o constante apoio e disponibilidade para garantir que todos os colaboradores conseguem aceder aos sistemas e ferramentas que necessitam para desenvolver o seu trabalho à distância.

3 – Otimizar o Digital Workspace

Para otimizar o espaço de trabalho virtual, é crucial contar com VPNs para garantir que o acesso à rede empresarial é feito com segurança e fiabilidade. Além disso, deve ser desenhado um plano de ação que defina os sistemas principais que devem ser usados por cada departamento da empresa, garantindo o alinhamento de todos os colaboradores e evitar ilhas de informação.

4 – Garantir a continuidade do negócio em caso de ataque informático

A migração das empresas para o meio digital levou ao aumento dos ataques por parte de hackers, que tentam roubar e sequestrar os dados corporativos. Para garantir a continuidade do negócio em caso de ataque informático é crucial investir em sistemas de backups automáticos, como o SkySafe, que garantem que toda a informação é salvaguardada em caso de infortúnio.

5 – Potenciar a comunicação

Mais do que nunca, é essencial que a comunicação à distância seja assegurada, quer dentro da própria organização, como também com clientes e fornecedores. Assim, a empresa deve repensar os canais utilizados para facilitar a comunicação e incluir meios que a facilitem, como software de colaboração remota que inclua vídeo, chat e telefone.

6 – Investir em modelos flexíveis como “Pay as You Grow”

Numa situação de instabilidade, investir em TI que possam ser contratadas em modelos SaaS ou “Pay as You Grow” revelam-se uma vantagem, uma vez que permitem fazer uprade ou downgrade dos serviços contratados sempre que necessário.

7 – Pensar no presente e no futuro

Todos os investimentos feitos neste momento devem ter em consideração, não só o panorama atual, mas também o futuro. Deverá ponderar o custo/benefício de cada investimento em software, tecnologias e infraestrutura IT no momento, mas também a longo prazo, idealmente ponderando vários cenários e diferentes perspetivas.

Conte com especialistas em tecnologia

Com 25 anos de experiência, a Openlimits tem sido reconhecida pela capacidade de concretizar projetos de TIC que aumentam a rentabilidade das empresas e facilitam a vida aos gestores. Entre em contacto connosco e descubra como ultrapassar os desafios de IT que surgem agora com o novo Coronavírus.

Openlimits
Menu